segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Etapa do Sul do Brasil Cancelada

A Confederação Brasileira de Handebol, através de seu Diretor para Handebol de Areia, Stanley Mackenzie, publicou hoje a cancelamento da V Etapa do Circuito Nacional de Handebol de Areia. O motivo foi o insuficiente número de inscrições, no limite da data prevista. Essa não é uma boa notícia. Nos deixa triste, pois tínhamos pessoas empenhadas em realizar o evento. Amigos que se dedicaram durante longo período para que tudo desse certo.

Essa situação, que não é nova, me faz concluir que precisamos solucionar o problema de uma vez por todas. Minha proposta para Etapa do Sul do país não passa pelo segundo semestre. Precisamos iniciar o Circuito Nacional nas férias de janeiro, período quente naquela região. Podemos aproveitar competições que já são realizadas. Temos inúmeros exemplos de excelentes competições, inclusive com transmissão de televisão e um grande número de participantes.

Precisamos refletir e mudar. Só assim teremos excelentes jogadores, que hoje estão alijados de participar por falta de uma competição oficial.

Vamos sugerir!

10 comentários:

Juliana Vidal disse...

Existe a possibilidade dessas vagas serem disputadas na etapa de quaificação no ES?

Alexandre Gomes de Almeida disse...

Ano passado tivemos que fazer os jogos femininos da etapa de SC aqui em SP, pois apenas São Vicente e ACH-Campinas estavam inscritas. Com certeza não é falta de empenho dos organizadores, pois sempre se mostraram muito comprometidos com a competição. Difícil entender a baixa adesão ao Circuito Brasileiro... Existem equipes na região Sul, pois em janeiro será realizado o Circuito Paranaense de Handebol de Areia-Verão 2011, que inclusive terá uma das etapas na mesma data da etapa final do Circuito Brasileiro. Sem falar na tradicional Itajaí Handball Cup, também realizada em janeiro.
Para os que vão disputar o qualifying do ES, mais uma vaga em jogo para cada naipe.
Grande abraço,
Alexandre

Kreuger disse...

Realmente uma pena...

Espero que encontremos uma solução que ajude a integrar as equipes do Sul na disputa do Campeonato Brasileiro.

Kreuger

Guerra-Peixe disse...

Juliana,
Exatamente isso. Na fase de qualificação do ES teremos três vagas em disputa, por naipe.

Alexandre,
Temos a competição de Torres no RS, que muitas equipes disputam. Segundo participantes, é um verdadeiro sucesso. Em Itajaí, SC temos a famosa Itajaí Cup. No Paraná, em janeiro eles fazem competições bem bacanas com TV e bastante público.
Precisamos juntar forças. Levar a ideia de que uma dessas etapas poderia servir de qualificação para o Circuito Nacional.
Como diz o Kreuguer, precisamos encontrar solução que ajude a integrar o Sul ao Circuito Nacional.
Abs.

Alexandre Gomes de Almeida disse...

Sugerindo:
Campeonatos como o Paulista e Carioca poderiam ter em disputa uma vaga para a final, pois já estão acontecendo todos os anos e com várias etapas.
A taça Kika em João Pessoa também poderia ter vaga em disputa.
Caberia CBHb avaliar as competições que podem ser classificatórias.
Talvez seria uma forma de incentivar as federações a organizarem competições periódicas e de grande porte. Em consequência disso, as equipes não seriam formadas apenas para uma etapa classificatoria do Circuito Brasileiro, mas para participar da sua competição estadual, mantendo os atletas treinando e competindo por mais tempo.
As demais vagas seriam disputadas nos moldes atuais.

Guerra-Peixe disse...

Alexandre,
Minha opinião de fazer alguma competição do Sul valer como Etapa Nacional é uma exceção. Seria preciso combinar o regulamento e a documentação. Não é coisa fácil. Teríamos que ter alguma gestão, para garantir que não haveria estado prejudicado, já que existe muita liberdade em torneios abertos... Por outro lado, existem problemas políticos de difíceis soluções entre gestores de competições abertas e federações. Como adequar essa situação?
Estamos tentando chegar a um modelo de classificação de equipes, frente ao que encontramos por todo Brasil. O modelo que você apresentou é viável, mas acredito que seria retroceder, pois parte de um princípio de seleção de apenas dois estados. Como ficaríamos com os estados que dizem fazer competição, mas não vemos? Como controlar competições estaduais, com regulamentos diferentes do nacional? Como controlar quem jogou, transferiu e etc...? Seria extremamente complicado.
Acredito que o modelo que aí está é bom, mas precisa ser apurado. Temos que discutir a fórmula proposta esse ano. Uma vaga para o campeão do ano anterior. Outra para a etapa com maior número de inscritos. Uma de convite. E mais duas de qualificação.
Abs.

Silvio Lago disse...

Guerra e amigos, é com muita tristeza que recebemos esta notícia do cancelamento da etapa de SC aqui em João Pessoa, temos que estudar e refletir, o porque desta desistência, o que esta acontecendo?

O beach handball Brasil não pode ficar fora desta região, uma região rica em talentos tanto no masculino como no feminino, temos que aproveitar pessoas que já passaram pelo beach nas seleções, como Pacato (goleiro) e outros, onde esta a Claudia Monteiro (campeã do mundo) porque não ajuda a desenvolver o beach nesta região, a desenvolver projetos para o crescimento da modalidade nesta região.

ótima idéia Guerra de aproveitar as copas já existentes, o Itajaí Cup é uma das maiores do Brasil e por que não aproveitar uma vaga nesta competição, RS e PR também tem torneios maravilhosos, vamos olhar com mais carinho.

Aqui em João Pessoa estamos abertos a propostas, só queremos ajudar a desenvolver mais e mais o crescimento da modalidade no Brasil.

Nas finais sugiro uma reunião de EMERGÊNCIA com todos que participam e ajudam o beach handball a se desenvolver em todo o Brasil, para tentar-mos chegar a uma solução boa para todos.

Boa sorte a todos...

Guerra-Peixe disse...

Sílvio,
A reunião em Vila Velha já foi falada hoje pelo Stanley. Achei ótima a ideia de vocês.
Quanto ao Pacato, acho que você se confundiu. Não é Palito? Pois bem, o Gerson Palito era quem estava a frente da competição em SC. Infelizmente, ele não pode obrigar ninguém a se inscrever. Deu no que deu. O Pacato, goleiro aqui no RJ, continua na ativa e foi campeão estadual pelo Niterói Rugby.
Abs.

Silvio Lago disse...

Guerra, desculpe o erro, é Palito mesmo,kkkk

Mais deu para entender, kkk

Abraços e desculpe mais uma vez...

Luiz Carlos disse...

Notícias negativas, de cancelamentos e/ou de desistências, sempre nos pegam de surpresa e nos deixam muito tristes, ainda mais, quando queremos ver nosso Esporte(Handebol de Areia) muito mais difundido em nosso país(imaginem como é que estão os envolvidos nesse processo, quem estava organizando, não é fácil!!!), sentimos muito mesmo, até porque tivemos experiência igual aqui no Piauí. Não sei os reais motivos que levaram ao não acontecimento da etapa do sul, mas queríamos deixar nossa palavra de apoio, para que não deixem de tentar realizá-la. Algumas sugestões foram colocadas aqui, não sei a melhor, acho que seria interessante e importante, alguém do sul(organizador(es) do evento), comparecer(em) à fase final em Vila Velha(ES) para conversar com o pessoal da Confederação e todos os amigos envolvidos no Handebol de Areia para se chegar a uma solução com relação a classificatória e sua realização ano que vem. Todos conversando juntos, acredito que rapidamente se chegará à conclusões muito boas para o Handebol de Areia de sua região e do país como um todo. Boa sorte!! grande abraço! do amigo, Luiz Carlos.