sábado, 3 de julho de 2010

Agradecimentos aos Amigos

Nessa hora de bons resultados e apoio de muitos, gostaria de agradecer as palavras de incentivo dos parentes e amigos visitantes do blog.

Ao longo dos anos construímos uma forma de jogar e de se relacionar na seleção. Essa construção vem de longa data e é fruto da opinião de inúmeros atletas que passaram pela seleção brasileira. Cada um que aqui passou trouxe uma experiência. Uma maneira de conviver. O ambiente de trabalho intenso mistura-se com o prazer de estar junto. Entremeados aos treinamentos diários sempre brincamos com muitas situações do dia a dia. Ninguém escapa ou está imune. Isso, certamente facilita a convivência e abranda o longo período longe da família e outros afazeres. Acredito que somado a alta técnica dos atletas, o apoio institucional e o trabalho multiprofissional, o clima entre todos nos favorece na hora da “festa”.

Portanto, esse é sempre o melhor momento para salientar a importância dos que iniciaram a modalidade no Brasil. Certamente, sem esses nada seria possível. Estejam certos que os atuais jogadores da seleção têm imenso respeito por todos, pois sempre que posso reforço essa participação anterior. (1995) Manoel Luiz de Oliveira, Carlos Arthur Nuzman, Leoni Nascimento, Willian Felippe, Stanley Mackenzie, Homero Ribeiro, Arline Ribeiro, Humberto Munck, Tico, Geraldo, Anderson Alarcão, Renato Ferreira, Hulck, Ronald, Baiano, Flávio Cassilatti, Everaldo, Marcos Pignone, Palito e Bruno Souza. (1996) João Montenegro e Macarrão. (1998) Alberto Caldas, Ednaldo, Emerson Gessing, Billy, Fábio Dias e Ernesto. (1999) Tio Roy, Drean e Luiz Filipe. (2001) Ricardo, Alemão, Cachorrão e Gilberto. (2004) David, Pré e Jaccidey. (2005) China, Folhas e Arlindo. (2006) Djandro, Emanuel, Edu, Xykinho e Paulinho Martins.

Espero que esse trabalho perdure por longos anos com outros atletas, profissionais e dirigentes. Que todo atleta que treina incansavelmente, possa ao final dizer que se dedicou, lutou e se divertiu ao máximo. Depois, se o resultado não for o esperado, que fique a certeza do dever cumprido e a esperança de ter feito amigos.

Um forte abraço!

7 comentários:

Marcinho disse...

É fundamental cultivarmos a importância dos pioneiros em nossa modalidade, sem os quais nada do que fazemos e temos hoje seria possível!

Que olhemos sempre pra frente, mas valorizando nossa base, nossa origem: os "desbravadores".

Abraço
Marcinho

Luiz Carlos disse...

O reconhecimento e respeito são os maiores prêmios que recebemos em vida. O presente desse esporte é o que todos cultivaram no passado com honestidade, trabalho, suor, amizade, alegria, amor, competência, etc. Guerra, você faz parte dos pioneiros e demonstra a cada dia o grande homem que todos nós sabemos que você é com esse tipo de atitude, reconhecendo o trabalho de todos sem falar no seu, fundamental para o grande momento atual, conquistando cada vez mais o Brasil e o mundo. Sou seu fã!!. Parabéns pelo sucesso cada vez maior. Grande abraço! seu amigo, Luiz Carlos.

Roberta batslima disse...

Parabéns por mais esta conquista!

Roberta batslima disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Roberta batslima disse...

Parabéns por mais esta conquista!

MARIA DE LOURDES disse...

Sem vocês, que fizeram parte desde o início desta história, não teríamos chegado até aqui! Um beijo carinhoso a todos, Udi.

Cami_Massari disse...

Fomos e somos uma grande família. Os nomes que fazem a história do handebol de areia, fazem parte também da minha própria história.
;)