sábado, 28 de fevereiro de 2009

Comentários sobre seleções

Nesse espaço, através dos comentários, queremos ouvir sua opinião sobre os atletas convocados e não convocados (masculino e feminino) para a Seleção Brasileira de Beach Handball. Faça críticas. Sugira nomes (não esqueça de escrever nomes de equipe e Estado). Dê sugestões. Pode ser anônimo.

Vamos contribuir!!!!

27 comentários:

Roberta ( Fortaleza- Ceará) disse...

Nessa lista faltam alguns atletas, não desmerecendo os que já foram convocados; já que no BEACH as chances são poucas diante do grande número de atletas de alto nível, tanto os que já fazem parte da seleção quanto os que querem entrar ou retornar a essa família. Sei que não é fácil para o treinador e/ou comissão técnica escolherem os atletas, por isso na minha opinião o mais correto seria anunciar previamente uma data de convocação para que os atletas pudessem se apresentar em uma ótima forma física e daí serem selecionados de forma mais justa. Abaixo o nome dos atletas os quais acredito que estão faltando nessa lista: IKARO, FÁBIO DIAS e JACCIDEY. Gostaria também de saber o motivo pelo qual estes nomes não foram selecioandos. Obrigada.

Anônimo disse...

Acredito que assim como ocorreu no masculino, a técnica do feminino não deveria se envolver com equipes participantes.

Anônimo disse...

Sem desmerecer nenhuma atleta da equipe APCEF, mas convocar 8 atletas da equipe 6° colocada? É praticamente o time todo!!!!!! Quem viu os jogos da semifinal sabem o que eu estou falando. Foram 4 atletas convocadas das 4 equipes melhores colocadas. E 8 atletas da equipe 6° colocada.

Guerra-Peixe disse...

Prezada Roberta,
Mesmo tendo acabado de chegar de uma viagem de 14 horas, após ler sua mensagem, resolvi responder por ter gostado da forma como você se posicionou.
A escolha de atletas é sem dúvida a maior dor de cabeça que afeta técnicos e auxiliares. Mas essa ainda não é a dor maior. O problema é quando o grupo fica reduzido temos que deixar apenas 10. Isso para quem pretende ser idônio e não agir com provincianismo do tipo: convoque os cariocas, pois você é daqui; ou a pior, não convoque nordestinos, pois a passagem é cara e não sabem marcar; convoque o amigo... e por aí afora.
Tenho demonstrado ao longo do tempo que ajo contrário a esses interesses. Só para ficar nos citados, seria bom lembrar que o Jaccidey foi ao mundial do Egito e treinou para o mundial de 2006 O Fábio Dias foi o segundo atleta que mais tempo permaneceu na seleção. O Ikaro já foi convocado duas vezes.
Hoje, contrário ao seu parecer, nós da comissão técnica, entendemos que existem atletas que reunem melhores condições de estar entre os convocados.
Para convocação consideramos inúmeros critérios para escolha de atletas. Se não vejamos: Capacidade de pensar em jogo coletivo; Capacidade de se relacionar em grupo; Poder de decisão; Experiência; Qualidade técnica frente aos outros atletas da modalidade; Idade; Capacidade de se manter atlético; Participar do camponato brasileiro; e por aí afora...
Para não ficar devendo nenhuma satisfação, já que você citou nomes, vou analisar os atletas citados.
Jaccidey. Hoje, no meu entendimento, ele é o quarto ponta esquerda do Brasil. Excelente, se considerarmos que existem inúmeros jogadores na posição. Porém, os outros três são mais novos, são mais fortes, são mais altos e jogam mais que ele.
Ikaro. Ele hoje disputa com vários outros pivôs que jogam mais que ele. Gostaria de ressalvar que considero os pivôs que atuam apenas em apenas uma posição e não jogam na defesa, terão sua vida na seleção dificultada. Caminhamos para atletas versáteis e que saibam marcar.
Fábio Dias. Como os outros citados, ele se apresentou muito bem no brasileiro. Mas hoje, nas duas posições em que ele atua, existem jogadores com mais capacidade de solucionar problemas. Mais jovens e, portanto, com mais futuro. Precisamos renovar. Pensar no futuro. Um dia todos seremos substituídos. É natural e é a Lei da vida.
Roberta, espero que tenha dado conta de suas indagações. Não tenho nenhuma pretensão de mudar seu pensamento, apenas desvelar meus pontos de vista. Espero que você veja em mim um cara honesto que apenas pensa diferente de você.
Um grande abraço!

Guerra-Peixe disse...

Também vou meter minha colher nessa convocação feminina.
Pude perceber que foram dois APCEFES distintos no campeonato. O primeiro que encantou e não deixava dúvida em nenhum dirigente de equipe que tive a oportunidade de conversar. Depois o outro que decepcionou. Certamente, por ser uma equipe jovem (era a mais nova do campeonato)houve essa alternância de comportamento.
Penso que, como a comissão técnica do feminino, num universo de 33 meninas, se reuníssemos todos os técnicos a convocação não seria tão diferente. Tenho convicção que muitas atletas (de todos os clubes) foram convocadas para sentirem o ambiente, o treinamento e já pensando no futuro.
No próximo ano a professora Rossana não mais dirigirá equipes no brasileiro. Esse ano não deu tempo entre a convocação para dirigir a seleção brasileira e arrumar alguém que segurasse a equipe.

Rossana Coeli disse...

Queridos amigos e amigas, primeiro queria deixar um abraço ao meu grande amigo Guerra e outro para todos que amam este esporte tão maravilhoso que é o nosso Beach Bandball, que não tenho dúvidas em dizer que é o melhor do mundo, graças a pessoas que nunca desistem e sempre trabalham sério para colocar o nome do nosso país no lugar mais alto.
Queria também parabenizar a todas as convocadas e que façam juz a suas convocações, pois estão aí, as melhores do Brasil.
Em relação as atletas do APCEF-PB, foram feitas escolhas das atletas pela Comissão Técnica Feminina, que é composta por mim e o professor Alex do Ceará, pessoa que esta me ajudando muito, e dos 33 nomes, só dois nomes ficaram em dúvida e não foram atletas do APCEF.
Lembrando que a equipe do Brasil no Mundial de 2006 em Copacabana, fez a pior campanha do grupo dele e saiu como 4º lugar, cruzou com a 1ª colocada do outro grupo "teoricamente a melhor equipe", Croácia, neste jogo o Brasil venceu e arrancou para o título Mundial, foi o que aconteceu com minha equipe, perdemos para 4ª colocada,e esta, foi campeã brasileira, isso significa que no Beach Handball não existem favoritos, da mesma forma que fui 6º lugar poderia ter sido Campeã, e não tenho dúvidas que meu trabalho foi muito bem feito, e faria tudo novamente.
Gostaria de colocar também que o meu posto de técnica da equipe do APCEF já vem a vários anos sendo feito um trabalho e achei cedo largar tudo que construi com muito esforço.
Já houve uma conversa com o Diretor da CBHb e este ano colocarei uma pessoas no meu lugar na equipe e, como já faço, me disponibilizarei totalmente a seleção.
Agradeço a preocupação de todos, pois isto prova que todos estão em prol de construir uma seleção forte e unida.
E lembrar que na Seleção Brasileira de Handebol de Areia do Brasil só ficarão as 10 melhores, independente de estados ou clubes façam parte.
Vou terminando por aqui deixando, mais uma vez, um super beijo a todos que acreditam no crescimento do nosso esporte.

Rossana Marques

Anônimo disse...

Desculpem em não me identificar, mais queria colocar aqui um assunto para que possamos debater no blog.
Esta situação de que os Técnicos das Seleções não poderem atuar em suas equipes.
Venho lembrar que o Handebol de Areia é um esporte novo e ainda estamos aprimorando o sistema de aprendizagem deste esporte.
Existem poucos técnicos que estudam esta modalidade e é uma pena estes poucos não poderem fazer parte de seus clubes por causa de seus cargos nas seleções.
No handebol de quadra, os técnicos das seleções trabalham em seus clubes:
1- Se estes técnicos da areia largarem seus clubes, como eles irão ficar mantendo seus estudos sobre o esporte.
2- Algums técnicos recebem remuneração para trabalharem em seus clubes, na seleção o trabalho é gratuito.(Sei que é uma honra representar uma seleção).
3- Imaginem, jogos no brasileiro ou etapas regionais, equipes formadas por jovens atletas e não terem técnicos nos jogos.
Vamos pensar e discutir isso grande Guerra, você também esta nesse meio, sei que você já trabalhou com equipes no Rio e sei que eles queriam tê-lo como técnico.
Abraços a todos.

Guerra-Peixe disse...

Não é proibido trabalhar com equipes. O que não devemos fazer é dirigir durante o brasileiro, pois nesse momento estaremos concentrados na escolha dos atletas que representarão o país nas competições internacionais. Entendo que com o crescimento da modalidade essa determinação pode mudar. Porém, no momento é a que melhor atende aos interesses de todos.

Rio Handbeach disse...

Eu estou de acordo com a anômino.

Temos tão poucos treinadores de handebol de areia que é uma perda sem tamanho deixarmos de ter um Guerra, um Paulinho, uma Rossana e um Alex atuando no campeonato brasileiro.


Independente de questões financeiras, acredito que seria enriquecedor para o campeonato. Vimos algumas equipes que já foram sem treinador (o que, no meu entedimento, não deveria ser possível) e outras que tiveram seus treinadores excluídos em função da falta de registro no conselho (CREF).

Na quadra nunca tivemos isso. Os técnicos trabalham em seus clubes e, quando necessário, estão dedicados exclusivamente à seleção. Não vejo como atuar no brasileiro pode prejudicar uma convocação.

Um outro ponto é que os treinadores também precisam praticar. O trabalho constante com equipes, no dia-a-dia os tornariam mais "afiados" do que trabalhando apenas nas etapas da seleção que, por vezes, são muito espaçadas!

Um abraço a todos.

Marcinho
http://riohandbeach.blogspot.com

roberta ce fortaleza disse...

professor gerra muito obrigado pelas respostas, mais se eles ja se destacam n brasileiro de alto nivel jogando bem imagine com um bom treinamemto como nos sabemos sempre merecemos uma outra chance nao acompanhei o campionato mais mi falarao q um canhoto d sao paulo q no ano passado em aracaju s distacou esse ano nao foi bem mais nao lhe tiro o merito pois sabemos d seu potencial com certeza vai s sair bem como devemos abrir portas para outros o que voce acha

Fernando disse...

Ai vai minha sugestão: Flavio Cassilatti. Um dos Atletas que mais contribuiu
e contribui com o Handebol de Areia do Brasil. Cabe à ele uma homenagem da CBHb.
Com certeza muitos Atletas da areia se espelham nele.
Abraços para toda família da areia.

Anônimo disse...

Aqui em Fortaleza nao conheço nenhuma Roberta no nosso meio, poderia pelo menos se identificar e deixar de puxar sardinha para algumas pessoa citadas, vc Roberta deve ser ligada diretamente ou inderetamente a algum desses e deve sinceramete ser o ANONIMO DOS COMENTARIOS SOBRE A FINAL MASCULINA.
vc devia procurar alguma coisa mais eficaz pra fazer do que ficar somente criticando aos que trabalham.

anonimo 2

roberta disse...

eu roberta com certeza nao conheço nemhun anonimo desculpa e tenho todo direito de fazer qualquer comentario

Anônimo disse...

É uma pena nenhuma equipe do Paraná ter participado do brasileiro, porque, com certeza, teriamos atletas convocados também. Mas pelo que tudo indica ano que vem (próxima temporada) vamos marcar presença.
Aqui no Paraná estão surgindo muitos atletas bons, e novos, um exemplo disso, foi a equipe campeã da Etapa Final do Paranaense 2008-2009, onde a média de idade não chegava a 20 anos.
É uma pena que a CBHb, não possa mandar seus técnicos para os campeonatos estaduais, e as convocações são feitas exclusivamente no brasileiro. Mas quem sabe um dia isso mude.
Abraços a todos!!!!

Guerra-Peixe disse...

Já enviei mensagem para o responsável pelo beach handball do Paraná. Já me coloquei ao dispor da federação Paranaense para assistir campeonatos e ministrar palestras, cursos ou bater papo. Nunca obtive resposta. Agora pergunto: O que falta? Querem que eu apareça sem ser convidado? Querem que eu pague passagem e mais hospedagem?
Parece que esse ano teremos etapa no Estado do Paraná.
Vamnos aguardar!!!!

Guerra-Peixe disse...

Coelho,
Realmente!!! Concordo com você em gênero, número e grau. O Flávio que ñ se despediu e outros que já se despediram das quadras merecem uma bela homenagem da Confederação.
Aguardemos!!!

geanne Lyra disse...

Gostei muito da convocação do professor Guerra Peixe e felicito-o pelo bom senso. Na lista considero, além de outros, o nome do goleiro Pedro Luiz do Niterói, como um atleta de grande futuro.

Ricardo Lima disse...

Gostaria de fazer um comentário na mesma linha do da Geanne. Foi uma convocação com o realmente havia de melhor, embora sempre hajam naturais discordâncias. Quanto ao Pedro Luiz goleiro do Niterói, acho-o além de tecnicamente muito bom, um goleiro corajoso e inteligente, além de muito disciplinado.

Sérgio Carneiro disse...

Niterói torce pelo seu atleta convocado e pela seleção brasileira. Parabéns e felicidades a todos.

Marjory - Mona disse...

Olá Guerra! Finalmente achei um lugar para obter informacoes sobre o Handebol de Areia! Quero mandar um bjo para Rossana e para todas as convocadas. Desejo tb muito sucesso para Cláudia como técnica na China! Já faz tempo que me despedi do handebol de Areia (dois anos), mas a paixao pelo esporte permanece! O handebol de Areia nao é muito divulgado aqui no Sul da Alemanha :-(
Essa familia faz falta!
Que Deus abencoe este próximo desafio das nossas Selecoes: World Games (campeonato inesquecível)!

Um abraco e muito sucesso às Selecoes Feminina e Masculina!

Ps: muita forca e determinacao nos treinos paras os convocados!

Com carinho,
Marjory (Mona)

Roberto Fonti disse...

Bom dia, Guerra acho que esse comentário de três atletas (IKARO, FÁBIO DIAS E JACCIDEY) tem que abacar por quer essa pessoa que se diz ROBERTA não é ROBERTA e sim DARLENE, vc DARLENE se tem medo de se identificar não comente....
Há DARLENE para de babar os outro e de criticar as pessoas, para de dizer que te amo e depois falar que tem que ser assim pra consegui uma vaga na seleção, por que todos que te conhece sabe que vc fala mal da Hossana,
Se os três atletas querem esta na seleção vão se preparar pra consegui uma vaga.
obrigado pela atenção...

Anônimo disse...

Roberto, você esta certo, aliás Darlene e Fabio Dias se merecem, só falam mal de todos, por isso estão perdendo tudo, Deus esta vendo e só procegue quem tarbalha e não deseja o mal a ninguém, é pouco para estes dois......

Anônimo disse...

Falando sobre os cearenses não convocados na minha opinião Fabio foi o melhor vazado da competição e JACCIDEY jogou muito bem na minha e jogaria na minha seleção concerteza já o Icaro acho que não se destacou o suficiente para ser convocado. Falando sobre os convocados tirando os q ja eram esperados com diandro e jefter acho que o naison jogou muito bem visível a melhora dele apos a primeira convocação sendo futuramente um dos jogadores de grande importância pra seleção com sua força grande impusao joão gleiso e um jogador muito forte joga bem em duas posições vazado e na ponta, mas acho q ele tem pouco recurso. Já o Rau Almeida e um ótimo jogado de ótima finalizaçao de giro facio e grande impusao pena q seja pequeno e só ataque falando do goleiro do bnb Rafael na minha visão um goleiro de alto nível um pouco inexperiente mas quem já viu ele jogando pelo seu time que não e o bnb sabe que ele vai fazer muito pela seleção mostrando que o ceara tem grandes goleiros pra mim ele treinando com o guerra briga com os melhores do mundo abraço

Guerra-Peixe disse...

Rapaziada Valeu!
Cada um falou o que desejou. Dou como encerrado o período de comentários. Vamos comentar outros assuntos.
Um grande abraço para todos!

Anônimo disse...

Torcedor do Ceará fuleira, Fabio esta acabado e ainda é mal educado só quer aparecer, porque você não coloca um simbolo do bnb ai, use o blog pra falar bem não essas besteiras ai, guerra não da pra para enquanto tiverem colocando estes absurdos.

André Luiz da Costa - Fortaleza-CE disse...

Caros amantes do Handebol de Areia

Tomei conhecimento desses assuntos aqui no BLOG e estou perplexo com o que li. Acredito que essa não é a ideia do BLOG, portanto, vim aqui informar a todos, que temos muitas outras coisas para nos preocupar. As seleções já foram convocadas, então, não se há mais nada a fazer, vamos torcer pelo sucesso do nosso HANDEBOL DE AREIA, pelo que entendi e li, creio que existem pessoas insatisfeitas pela nao convocação e/ou interessadas em derrubar os que foram convocados. Não é dessa forma que vamos fazer com o que o Handebol de Areia cresça nesse país. Um esporte para crescer necessita de apoio e principalmente UNIÃO. Cadê a união do Handebol de Areia? As pessoas se dividem, so odeiam, quando estão juntas preocupam-se em ser melhor querendo passar por cima dos outros,,,Na minha concepção não estamos no caminho certo, se continuarmos com esse pensamento. Acredito que temos que somar e não dividir ou subtrair. Até JESUS CRISTO em toda sua existência, teve uma equipe e dentro dele também teve o que o traiu, existiam milhares contra e outros milhares a favor, imagine então num meio tão pequeno quanto o nosso?
Gostaria que todos que aqui postarem, tivesse a ideia de que o BLOG é área de informação e crescimento do ESPORTE, acredito que tenha sido criado para que nossa comunicação sobre a modalidade enriquecesse nosso conhecimento. Quanto AS SELEÇÕES, vamos esperar resultados, só quem morre na vespera é PERU.

Abraços a todos

André Luiz da Costa - Dir. Financeiro da Federação Cearense de Handebol.
andrelcost@hotmail.com

Guerra-Peixe disse...

Amigos,
Estou encerrando os comentários nesse post.
Forte abraço!